Matizes Escondidos

10/12/2011

Um índice composto de saúde e PIB per Capita

 

Por curiosidade, fiz dois gráficos no quais relacionei mortalidade infantil e expectativa de vida ao PIB per capita dos países.

No gráfico acima coloquei alguns outliers em vermelho, bem como Cuba. Cuba tem uma mortalidade infantil abaixo do que seria esperado considerando seu PIB per capita. o Brasil está exatamente em cima da linha de tendência onde ela cruza o eixo x no valor 4.

 

 

 

Nota: expectativa de vida ao nascer

 

Acho estranho como Angola consta como tendo a menor expectativa de vida do mundo, bem como a maior mortalidade infantil, maior do que a dos países do chifre da África, por exemplo. Mesmo após décadas de guerra civil, parece pouco provável.

 

Fiz também um exercício no qual relacionei o log da divisão da expectativa de vida pela mortalidade infantil (chamado aqui de índice composto de saúde) pelo log da renda per capita PPP. A ideia era ver o desempenho em saúde dos países condicionado a seu nível de renda. É um índice composto, como todas as suas falhas, mas é trabalhável.

Outliers e países de interesse estão marcados em vermelho

Considerando seu nível de renda, Cuba é um outlier positivo por essa medida. Já o Brasil estaria com o seu índice de saúde ligeiramente abaixo do esperado, considerando seu PIB per capita. Angola está muito abaixo de seu desempenho em saúde esperado considerando sua renda per capita. Conforme noto acima, as estatísticas de saúde para Angola são muito estranhas.

O desempenho positivo de Cuba nessa medida composta é explicada principalmente por sua baixa mortalidad infantil, considerada o seu produto per capita. Como sói acontecer, isso não parece ser nada bom: é possivelmente um reflexo da disseminação de práticas de aborto forçado naquele país.

 


Escrito por Philipe às 12h04
[] [envie esta mensagem] []


09/12/2011

Aviso

Obrigado por ler este blog.

O blog é melhor acompanhado por meio do link http://matizesescondidos.blogspot.com


Escrito por Philipe às 07h33
[] [envie esta mensagem] []



Papo de servidor público estadual

 

Papo de servidor público estadual, em Minas Gerais.

Na repartição mais pobre:

- Fulano, eu odeio o Banco do Brasil. Muita fila, poucos caixas. É o inferno. Só venho no caixa para fazer um DOC, porque eu movimento o dinheiro no Itaú, eu não encerrei a conta.

Na repartição mais rica:

 - Fulano, eu odeio o Banco do Brasil. Muita fila, poucos caixas. É o inferno. Só venho no caixa para fazer um TED, porque eu movimento o dinheiro no Itaú, eu não encerrei a conta.

---

A década de 2000 foi a década de negar e esconder o presidente (e depois ex-presidente) Fernando Henrique Cardoso. Ele tomou diversas medidas difíceis e impopulares, que muitas vezes tornaram as coisas mais difíceis no curto prazo, mas que se revelaram muito importantes no longo prazo.

Recentemente parecer ter havido, porém, um FHC-revival. Da aproximação de Dilma ao ex-presidente à admissão do atual Ministro da Fazenda da importância dessas reformas, parece que o Príncipe está sendo reabilitado, e o que é melhor, em vida.

Uma das medidas impopulares-mas-importantes foi a privatização dos bancos estaduais. Esses bancos muitas vezes serviam para acobertar a má política fiscal dos governos estaduais.

O Banco do Estado de Minas Gerais - Bemge - era utilizado pelo governo estadual para o pagamento de seus servidores. Com a privatização do Bemge, em 1998, que foi arrematado pelo Itaú, os servidores passaram a ser atendidos por esse banco privado.

O tempo passa, e a partir de 2008 o Banco do Brasil assumiu a folha de pagamento dos servidores estaduais de Minas Gerais. Nos termos da negociação, o servidor/correntista passou a dispor de um DOC/TED gratuito por mês, para fins de transferência de salário para a instituição bancária de sua preferência. O Itaú, para não perder todos os servidores que tinham conta no banco, passou a oferecer vantagens mil para quem mantivesse a conta.

Assim, até hoje muitos servidores ainda têm conta no Itaú, embora não mais recebam por esse banco. Esse fato, junto com o atendimento abaixo de impecável do Banco do Brasil, faz com que muitos servidores, embora recebam pelo Banco do Brasil, prefiram movimentar seu dinheiro pelo Itaú.

Tendo trabalhado e mesmo frequentado alguns ambientes variados dentro da administração pública estadual, já presenciei mais de uma vez um diálogo que descrevo abaixo, na fila do caixa eletrônico Banco do Brasil.

Na repartição mais pobre:

- Fulano, eu odeio o Banco do Brasil. Muita fila, poucos caixas. É o inferno. Só venho no caixa para fazer um DOC, porque eu movimento o dinheiro no Itaú, eu não encerrei a conta.

Na repartição mais rica.

 - Fulano, eu odeio o Banco do Brasil. Muita fila, poucos caixas. É o inferno. Só venho no caixa para fazer um TED, porque eu movimento o dinheiro no Itaú, eu não encerrei a conta.

---

Outro dia eu encontrei um cartão de visitas do Bemge jogado na rua. O cartão do fulano já tinha e-mail. Considerando que Internet no Brasil "começou" para o grande público em 1997, e que o banco foi privatizado em 1998, mostra que até que o Bemge estava atualizado nesse quesito...


Escrito por Philipe às 07h32
[] [envie esta mensagem] []



Tudo o que você sempre quis saber sobre a multa do self-service sem balança...mas não tinha coragem de perguntar ao amigo economista

Tudo o que você sempre quis saber sobre a multa do self-service sem balança...mas não tinha coragem de perguntar ao amigo economista

 

Agora, como fazem para cobrar desperdício de marmitex fechado eu já não sei


Escrito por Philipe às 07h31
[] [envie esta mensagem] []


08/12/2011

Almoço (nutricional) grátis?

 

Você acredita em almoço (nutricional) grátis?

Embora existam alguns almoços grátis por aí (uma melhoria pareto-ótima, embora rara, seria um almoço grátis, concordam?), creio que eles não estão pela rua entregando panfletos.

No caso aí de cima, a pegadinha é que o almoço serve para tentarem lhe vender/empurrar toda sorte de produto Herbalife.

Aliás, você já viu muitos carros por aí com adesivo Herbalife. Mas quantas pessoas você já viu consumindo os produtos (de qualidade, aliás) Herbalife?

Para mim a relação está por volta de 30 por 1.

 


Escrito por Philipe às 09h57
[] [envie esta mensagem] []


05/12/2011

Hagiografia de D. Pedro II na Wikipedia (en)

O artigo da Wikipedia (en) sobre D. Pedro II é muito sui generis: alguns trechos parecem ter sido escritos pelo Círculo Monárquico, tal é sua devoção:

Pedro II grew into a man with a strong sense of duty and devotion toward his country and his people.

Pedro steadfastly pushed through the abolition of slavery despite opposition from powerful political and economic interests. A savant in his own right, the Emperor established a reputation as a vigorous sponsor of learning, culture and the sciences.

This reputation has lasted to the present day. Historians have regarded the Emperor in an extremely positive light, and he is usually ranked as the greatest Brazilian.

Mas interessante é o lado pathos do artigo, o que não me parece obra de seus descendentes:

Obliged to spend his time studying in preparation for rule, he knew only brief moments of happiness and encountered few friends of his age. 

On the other hand, he increasingly resented his role as monarch.

Pedro II had become weary of emperorship and despaired over the monarchy's future prospects, despite its overwhelming popular support. He allowed no prevention of his ouster and did not support any attempt to restore the monarchy. He spent the last two years of his life in exile in Europe, living alone on very little money

Interessante que um eventual apoiador da monarquia não precisa recorrer a peripécias históricas e cultos à personalidade para defender essa forma de governo. Simonsen fez uma defesa equilibrada e argumentada da monarquia quando do plebiscito de 1993.

Um dia desses apresentei os argumentos de Simonsen em uma discussão, sem que dissesse se concordava com ele, e fui tomado por apoiador da monarquia, sendo-me imputada a pecha de "bolsonário". Vai entender.


Escrito por Philipe às 20h39
[] [envie esta mensagem] []



[ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]
 
 
 
       
   
Histórico

OUTROS SITES
    A garota 100% perfeita
  Tudo o que você sempre quis saber sobre a multa nos sushis que sobraram no rodízio... mas não tinha coragem de perguntar ao amigo economista
  E-book dos ditados populares
  Dilbert Blog (Scott Adams)
  Geek Press
  A Softer World
  Blog do Mankiw
  Publicidade Positiva
  De Gustibus Non Est Disputandum
  Temas em Economia
  xkcd
  Cracked
  Demography Matters
  Homo Econometricum
  Suspensão de Juízo
  Quatroventos
  phCastro
  Muçarela
  Todos os Links - Matizes Escondidos


VOTAÇÃO
    Dê uma nota para meu blog