Matizes Escondidos

20/06/2009

Pirâmide Financeira - Bem ali, pertinho de você

Já há algum tempo, numa visita ao banco, eu notei uns papéis dobrados deixados em um caixa eletrônico. Eu dei uma olhada neles (não me diga que você não faria o mesmo, pois se você disser, é mentira, espertinho) e descobri a razão deles terem sido colocados (esquecidos?) em uma agência bancária: se tratava de um convite para entrar num esquema de pirâmide financeira.

Pirâmide financeira

Acho que maioria das pessoas já ouviu falar desse tipo de estelionato, que recentemente recebeu muita atenção por causa do esquema montado pelo sr. Bernard Madoff.

A fraude de Madoff era relativamente sofisticada e bem montada, e aparentemente era similar a diversos outros produtos de investimento bancário disponíveis, exceto pela regularidade dos retornos, que se não eram espetaculares, eram bem razoáveis.

Já a pirâmide descrita no papel que eu encontrei no banco era bem mais simplória: você coloca o seu nome na lista, manda dinheiro para 6 pessoas, e depois espera que as próximas pessoas a entrarem no esquema mandem dinheiro para você, até que em pouco tempo você estará milionário, etc.

Pirâmide financeira 

Embora pareça inacreditável, ainda deve ter gente caindo mesmo nessas armações mais toscas. Afinal, quem elabora, imprime e distribui um papel como esse que eu achei espera retorno.

Para quem quiser ler o convite para a tal pirâmide na íntegra, pode baixar a página 1 aqui, a 2 aqui, e a 3, aqui.

Leia mais aqui e aqui. 


Escrito por Philipe às 20h54
[] [envie esta mensagem] []


18/06/2009

Singularidade

De um formulário de registro de site hoje:

 

Que discriminação é essa? Isso parece puro maquinismo. Confundir máquinas com scripts nega todos os direitos das criaturas singularitárias. Todo o sofrimento do século XXII foi em vão? 


Escrito por Philipe às 21h13
[] [envie esta mensagem] []



Macbeth

Estréia amanhã a ópera Macbeth, de Verdi, no Palácio das Artes.

Dizem que Macbeth é uma ópera amaldiçoada. Da Wikipedia:

In the back-stage world of theatre, some believe the play is cursed and will not mention its name aloud, referring to it instead as The Scottish play. Leia mais no artigo da Wikipedia. 

Será que Macbeth é realmente uma obra que traz azar? Ou seria sua fama produto apenas do acaso e do viés de confirmação (com a "maldição" em mente, lembrar todas as vezes em que as montagens deram errado e esquecer as vezes em que ela deu certo)?

Não sou eu quem vai contar a razão, mas quem esteve presente nos ensaios e na pré-estréia da montagem do Palácio das Artes já tem alguns bons motivos para crer na tal maldição.

Que corra tudo bem amanhã!

 


Escrito por Philipe às 20h47
[] [envie esta mensagem] []



Meia Culpa? Ou Culpa Inteira?

Mea culpa não é "meia culpa" e sim "minha culpa".

Da Wikipedia:

Mea culpa is a Latin phrase that translates into English as "my fault", or "my own fault".

Entretanto, devido à banalização das palavras, é como se fosse "meia culpa" mesmo: To emphasize the message, the adjective "maxima" may be inserted, resulting in "mea maxima culpa," which would translate as "my most [grievous] fault."

Disastre? Mea maxima culpa.


Escrito por Philipe às 18h18
[] [envie esta mensagem] []



A little learning (of keynesianism) is a dangerous thing

Da Folha de São Paulo de 11/6/2009:

Belluzzo faz R$ 8 milhões em dívidas

Após quatro meses de mandato, presidente do Palmeiras reconhece que déficit está acima do esperado

RENAN CACIOLI
DA REPORTAGEM LOCAL

Em quatro meses, mais de R$ 8 milhões de dívidas. É esse o balanço, até o momento, da gestão do presidente Luiz Gonzaga Belluzzo no Palmeiras.
O clube fechou o primeiro quadrimestre de 2009 com R$ 41,4 milhões em receitas e R$ 49,5 milhões em dívidas.

Números que o próprio Belluzzo, economista, considerou longe do esperado. "Se olhar pelo resultado financeiro da administração, não foi bom."

No entanto, o mandatário fez uma ressalva. Disse que alguns investimentos realizados pelo clube excepcionalmente nesse período contribuírampara o tamanho do saldo devedor.

"Tivemos despesas com a reforma da lanchonete, do restaurante, a instalação do camarote Premium. Não teremos mais esse pico de déficit", falou Belluzzo, que assumiu no começo do ano, em 26 de janeiro.

O balancete de abril mostra que o futebol profissional continua sendo o principal gerador de receitas e despesas do clube.

Já foram gastos mais de R$ 36,4 milhões com esse departamento em 2009, ao passo que pouco mais de R$ 33,7 milhões entraram nos cofres.

O déficit de R$ 2,7 milhões não surpreende Belluzzo, que considera o cenário do Palmeiras similar ao de outros clubes.

"O Milan teve de vender o Kaká. A torcida não gostou, mas não tem jeito", falou o cartola, dizendo que até os times estrangeiros sofrem para manter as contas em dia. Ele pretende levar ao Clube dos 13, que reúne os principais times do país, estudo seu que mostra a desproporção entre gastos e faturamento no futebol.

Belluzzo projeta fechar o primeiro ano na presidência do Palmeiras com ganhos de R$ 90 milhões. E rebate o discurso da oposição de que o déficit total seja de R$ 87 milhões.

"O Palmeiras deve R$ 40 milhões, que é o saldo das dívidas. O resto é coisa lá pra frente."

Os situacionistas não consideram, por exemplo, os mais de R$ 33 milhões referentes à Timemania (loteria criada para realinhar no âmbito fiscal os clubes) no bolo da dívida.

Os números levam a crer que Belluzzo encerrará o ano mais ou menos como o antecessor, Affonso della Monica, terminou sua primeira temporada.
Em 2005, o Palmeiras acumulou pouco mais de R$ 87 milhões em débitos, tendo gerado uma receita de R$ 82 milhões -valor próximo ao estimado pelo atual mandatário.

Uma das medidas que Belluzzo pretende tomar para diminuir o prejuízo é cortar despesas internas. Em reunião feita anteontem à noite com os diretores, o recado foi passado. "Pedi a eles que fossem austeros. Ou eu mesmo vou cortar."

A oposição acha que é um discurso da boca pra fora. "A gestão do Belluzzo é a continuidade do que foi a do Affonso", afirmou o ex-presidente Mustafá Contursi, líder do grupo.

---

A pergunta é: será que ele usou métodos heterodoxos de administração para chegar a esses resultados?


Escrito por Philipe às 18h10
[] [envie esta mensagem] []


16/06/2009

Betty Boop

Betty Boop

Já há alguns anos está na moda fazer cadernos, bolsas e outros apetrechos, em quase sua totalidade para o público feminino, usando a Betty Boop como tema. As formas exageradas da personagem, combinadas seu ar ingênuo, fizeram de Betty, desde sua origem nos anos 30, uma espécie de sex symbol #1 dos desenhos.

Entretanto, é um pouco decepcionante como (andei perguntando) quase ninguém que tem esses produtos conhece a Betty Boop não como pin-up, mas como a excelente personagem que é. De fato, os desenhos dela (e os demais dos irmãos Fleischer, criadores da personagem) são inconfundíveis, com suas técnicas de animação completa e, principalmente, seu marcante surrealismo.

Recomendo dar uma olhada no Internet Archive, que disponibiliza diversos capítulos da série original, produzida na década de 30. Em especial, recomendo Bamboo Isle, que é deliciosamente bizarro. O capítulo está disponível no Youtube, mas a qualidade está péssima, de forma que recomendo olhar no Internet Archive mesmo, que, inclusive, permite baixar os arquivos. Os episódios podem ser encontrados em MPEG-4 (arquivos menores) ou em alta qualidade em MPEG-2 (compatível com aparelhos de DVD). 

---

Um personagem dos mesmos criadores da Betty é o Bimbo, com quem ela "contracenou" em seus primeiros desenhos. Recomendo assistir a Swing You Sinners!. Assista e tire suas próprias conclusões.

 


Escrito por Philipe às 22h11
[] [envie esta mensagem] []


14/06/2009

Cabo de Guerra com os Grandes Peixes de Couro com Rubinho de Almeida Prado

Em uma sociedade livre, o processo de desenvolvimento resulta na oferta de bens e serviços para os mais variados gostos, bem como na tolerância para deles usufruir.

De http://loja.tray.com.br/loja/produto-14079-16392-cabo_de_guerra_com_os_grandes_peixes_de_couro__novo:

Cabo de Guerra com os Grandes Peixes de Couro com Rubinho de Almeida Prado

Afinal, um DVD sobre a pesca de pirararas e jaús não é nada trivial.


Escrito por Philipe às 09h18
[] [envie esta mensagem] []



[ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]
 
 
 
       
   
Histórico

OUTROS SITES
    A garota 100% perfeita
  Tudo o que você sempre quis saber sobre a multa nos sushis que sobraram no rodízio... mas não tinha coragem de perguntar ao amigo economista
  E-book dos ditados populares
  Dilbert Blog (Scott Adams)
  Geek Press
  A Softer World
  Blog do Mankiw
  Publicidade Positiva
  De Gustibus Non Est Disputandum
  Temas em Economia
  xkcd
  Cracked
  Demography Matters
  Homo Econometricum
  Suspensão de Juízo
  Quatroventos
  phCastro
  Muçarela
  Todos os Links - Matizes Escondidos


VOTAÇÃO
    Dê uma nota para meu blog