Matizes Escondidos

28/07/2007

Bilhete

Em 2004, uma propaganda na TV era a de um absorvente com desodorizantes.

Eu nunca tinha ouvido falar que absorvente ficava odorizante. Eu me considerava nessa idade já bem educado a respeito de assuntos do sexo oposto, então eu tratei de perguntar a uma colega do cursinho com a qual já tinha certa intimidade para tirar a dúvida. Como era de praxe no meu cursinho, a conversa foi por papelzinho:

- Ei, eu vi a propaganda do absorvente Tal e fiquei na dúvida: absorvente usado fica cheirando?

- Não, não fica não. Acho que só se ficar muito tempo e deixar ficar muito sujo e tal.

- Ah, só, valeu.

- Quer ver só?! Hoje eu estou menstruada. Deixa eu passar na sua carteira e passar a bunda na sua cara. Aí você vê se fica fedendo.

Aí ela veio e passou. (Não senti nenhum cheiro).

Mas o mais bizarro não foi isso. No cursinho, todo mundo mandava bilhetinho com recado para os professores. A minha colega pegou o papel com o texto aí em cima e mandou para o professor.

Ele leu e fez uma cara...

Cursinho pode até ser um atraso de vida, mas é engraçado pacas!

Não vejo essa colega já faz um tempo. Desejo a ela tudo de bom.


Escrito por Philipe às 15h54
[] [envie esta mensagem] []



Dicas de Curtas

Engolervilha

 

DICA: Para aprender a gravar (fazer download) no Porta Curtas, clique aqui.

 

Dica para algum eventual leitor de Belo Horizonte:

 

Toda segunda-feira, às 19h, no Palácio das Artes, é realizado o programa "Curta Circuito", com exibição gratuita de curtas-metragem no Cine Humberto Mauro.

 

O programa dessa segunda, dia 30, está imperdível, com exibição dos toscoclássicos Engolevervilha e Engoleduaseverilhas, além da produção Toscographics Santa de Casa.

 

Se alguém puder ir, minha dica é: vá.

 

Ver no Cinema é mais legal, mas quem não puder conferir os curtas, eles estão online.

 

http://www.youtube.com/watch?v=lXQzUQfMC8s - Engolervilha no Youtube

 

http://www.portacurtas.com.br/Filme.asp?Cod=1664 - Engolervilha no Porta Curtas

 

http://www.portacurtas.com.br/Filme.asp?Cod=4806 - Engoleduaservilhas no Porta Curtas

 

http://www.portacurtas.com.br/Filme.asp?Cod=4841 - Santa de Casa no Porta Curtas

 

DICA: Para aprender fazer download de Curtas do Porta Curtas, clique aqui.


Escrito por Philipe às 15h39
[] [envie esta mensagem] []


27/07/2007

Dr. Chaos (Butters)

Quando ocorre um acidente de avião com grande número de vítimas, é comum que os jornais façam matérias com pessoas que, por caprichos do destino, não estavam no vôo, embora tenham comprado passagem, feito reserva, etc.

Invariavelmente, a matéria termina com um relato do viajante afortunado. Esse viajante diz que nasceu de novo, que vai reparar mais nas coisas pequenas da vida, que vai cuidar mais da família, tudo isso porque não estava no vôo. Afinal, se estivesse no vôo, estaria mais um corpo nos destroços, mais um nome na lista de vítimas.

Quando eu escuto esse tipo de relato, minha primeira reação é pensar se as coisas realmente são assim.

A vida é um sistema caótico. Um sistema assim é caracterizado, entre outras coisas, por um número grande de relações complexas, frequentemente imperceptíveis, que interagem de forma imprevisível. Assim, pequenas alteração nas condições iniciais do sistema podem levar a resultados finais muito diversos. Esse princípio é ilustrado pela metáfora já meio gasta da borboleta que com seu bater de asas provoca um furacão em algum lugar distante dali.

Como dito antes, a vida é um sistema caótico. Assim, uma pequena mudança nas condições iniciais num trecho da realidade deve levar a grandes mudanças no resultado final das coisas. Por exemplo, o fato da pessoa embarcar ou não no avião.Às vezes, se a pessoa que não embarcou tivesse entrado no avião, o acidente não teria acontecido.

Podemos imaginar uma cadeia de eventos, na qual essa pessoa tenha embarcado no avião. Quem sabe se ela embarcasse, o avião saísse alguns segundos mais cedo ou mais tarde ou a bagagem da pessoa fosse submetida a uma checagem dupla, que alterasse a ordem de decolagem do avião. Isso poderia levar o piloto a entrar numa rota ligeiramente diferente, com um fluxo de pensamento ligeiramente diferente, etc., o que poderia, no final da história, a levar a um cenário terminal um pouco diferente, no qual o acidente não ocorra.

Descrever uma cadeia de ocorrências é complicado, mas quem tem um pouco familiaridade com a idéia de sistema caótico deve ter entendido a essência da coisa.

No final da história, é muito difícil dizer que "se fulano tivesse feito isso, aquilo teria acontecido" ou "se beltrano viesse, tudo isso teria deixado de acontecer".

O único jeito de tirar a prova das coisas seria arrumar uma máquina do tempo e assistir um "grupo controle" e um "grupo tratamento" submetido a alguma alteração, comparando os resultados finais. Desnecessário dizer que é impraticável.

As coisas são complexas e imprevisíveis (como no caso do problema do cálculo econômico, como descrito pelos economistas ditos austríacos).

Por isso, seja mais humilde e tenha mais paciência com cachorros, especialmente se eles forem basset ou assemelhados.


Escrito por Philipe às 21h39
[] [envie esta mensagem] []


26/07/2007

Now playing: Velhas Virgens - Só Pra Te Comer

Gostando cada vez dos anúncios direcionados...


Escrito por Philipe às 16h50
[] [envie esta mensagem] []


24/07/2007

Fortaleza negra

Há alguns anos, navegando pela internet, sabe se lá por qual caminho, eu trombei com este site: http://members.cox.net/veyanne/  

É de uma jovem americana, gótica. Gótica de verdade, não é dessas que se só se vestem de preto e ficam aí reclamando da vida, antes de começar Malhação.

No site ela relata diversas histórias (verdadeiras) que aconteceram com ela e com conhecidos. Em especial, ela conta como ela enfrentou o seu maior medo: contar à mãe, religiosa fervorosa, que ela não acreditava... As histórias estão em http://members.cox.net/veyanne/stories.html.

Esses relatos demonstram um pouco como a vida é feita (também) de meandros escuros e de histórias não contadas.

Tudo muito forte e denso. Usar com moderação.

Eu acho o site muito relevante, quem sabe alguém goste também.

Igor?


Escrito por Philipe às 20h39
[] [envie esta mensagem] []



Acho que esse algoritmo precisa de uma melhoriazinha

Esses anúncios direcionados podem ser divertidos!


Escrito por Philipe às 15h06
[] [envie esta mensagem] []


22/07/2007

BH parlance

Com cara ameaçadora:

- Ei, irmão, me alivia um real?

Se reparar bem, tem uns malacos que andam com cobertor nas costas. É como se fosse um abrigo, o que justifica a ilustração do dicionário.


Escrito por Philipe às 15h23
[] [envie esta mensagem] []



[ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]
 
 
 
       
   
Histórico

OUTROS SITES
    A garota 100% perfeita
  Tudo o que você sempre quis saber sobre a multa nos sushis que sobraram no rodízio... mas não tinha coragem de perguntar ao amigo economista
  E-book dos ditados populares
  Dilbert Blog (Scott Adams)
  Geek Press
  A Softer World
  Blog do Mankiw
  Publicidade Positiva
  De Gustibus Non Est Disputandum
  Temas em Economia
  xkcd
  Cracked
  Demography Matters
  Homo Econometricum
  Suspensão de Juízo
  Quatroventos
  phCastro
  Muçarela
  Todos os Links - Matizes Escondidos


VOTAÇÃO
    Dê uma nota para meu blog